Entre com seu login

Não é cliente?

Cadastre-se

ANEEL divulga reajuste na tarifa de energia para clientes da CPFL Santa Cruz

Escrito por: Assessoria de Imprensa   15/03/2021

O aumento de 5,38% será válido para residências e pequenos comércios a partir de 22 de março

Campinas, 16 de março de 2021.  A CPFL Santa Cruz, distribuidora do Grupo CPFL Energia que atende 45 municípios do interior de São Paulo, informa que a diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta terça-feira (16), a revisão tarifária periódica (RTP) da concessionária, que entra em vigor a partir do dia 22 de março de 2021.  A tarifa terá um aumento de 5,38% para os clientes do grupo B (residências, indústrias e comércios de pequeno porte) Para os consumidores ligados à alta tensão, haverá um aumento de 18,27%  (indústrias e comércios de grande porte)  com um efeito médio de 9,95% (Considerando Alta Tensão e Baixa Tensão). Ano passado, a tarifa teve redução de 0,32%. ​

Para o cálculo das tarifas, a Aneel considera a atualização de custos com a compra de energia, com sistema de transmissão e com a distribuição da energia elétrica, assim como com os encargos setoriais, conforme regras estabelecidas para o setor.

Os principais fatores que levaram a esse resultado foram o aumento dos custos que não são gerenciáveis pela distribuidora, tais como aumento do custo de compra de energia junto as usinas geradoras (que foi pressionado pela cotação do dólar que sofreu elevação entre 2020 e 2021 e que influencia diretamente o custo de energia comprada da Usina de Itaipu) e dos custos de transmissão, por conta da incorporação de novas instalações que trazem mais robustez ao sistema elétrico, além da indenização de ativos por conta da renovação dos contratos de concessão das transmissoras . Por outro lado, a reversão total do aporte recebido da conta-covid, ocorrido em 2020, auxiliou em não se ter um reposicionamento tarifário maior. A CPFL Santa Cruz também propôs à ANEEL uma postergação de parte do efeito tarifário por meio de diferimento até o processo tarifário de 2022. 

Considerando os últimos dez anos, a tarifa de energia residencial teve reajustes abaixo da inflação do período. A tarifa variou 61% abaixo da variação do IGP-M (Índice Geral de Preço – Mercado) no mesmo período, e 38% abaixo do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

A distribuidora tem investido e mantido a qualidade na prestação do serviço e foi considerada a melhor distribuidora com o melhor indicador de DEC* e FEC** do país, no Desempenho Global de Continuidade (DGC) da ANEEL em 2020.

*Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora.

**Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora

​Dicas para Economizar Energia:

Geladeiras

1. Instalar a geladeira em local bem ventilado, desencostada de paredes ou móveis, longe de raios solares e fontes de calor, como fogões e estufas;

2. Nunca utilizar a parte traseira da geladeira para secar panos, roupas ou tênis;

3. Nunca colocar alimentos quentes na geladeira;

4. Não forrar as prateleiras da geladeira;

5. Não deixar a porta da geladeira aberta por muito tempo e não se esquecer de manter as borrachas de vedação da porta em bom estado.

Ar-condicionado

6. Quando o uso do ar condicionado for inevitável, o ideal é utilizá-lo da melhor maneira possível, evitando a utilização por longos períodos e com temperaturas muito baixas;

8. Priorize a compra de aparelhos de ar-condicionado com a tecnologia inverter, cujos motores são mais eficientes e econômicos;

9. Manter os filtros do ar limpos também é uma ótima iniciativa de economia, já que assim o motor não se esforçará mais que o ideal;

10. Sempre mantenha os ambientes bem arejados. Abrir cortinas e janelas ajuda na ventilação e reduz a necessidade de ar-condicionado e ventiladores.

Chuveiros elétricos

11. Nos dias quentes, colocar o chuveiro na posição "verão" (o consumo será cerca de 30% menor);

12. Limpar periodicamente os orifícios de saída de água do chuveiro;

13. Tomar banhos mais rápidos e desligar a torneira ao se ensaboar;

14. Nunca reaproveitar uma resistência queimada;

15. Uma boa opção também são os aquecedores solares para água, que, cada vez mais, possuem preços atrativos e demandam baixa manutenção.

Condições de pagamento: A CPFL Energia disponibiliza diversas formas de pagamento, como:  pagamento pelo PIX (www.cpfl.com.br/pix), pagamento via cartão de crédito, e parcelamento por meio do cartão em até 12x.

Parcelamento de contas em atraso: Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso podem pagar e parcelar o débito em aberto em até doze vezes nos cartões de crédito Mastercard e Visa. Essa condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em www.cpfl.com.br/parcelar.

Canais de atendimento ao cliente:

Site: www.cpfl.com.br

App: CPFL Energia (navegação gratuita, disponível para Android e iOS)

WhatsApp: (19) 3795-1705

SMS: 26805

Call Center: 0800 772 2196